terça-feira, dezembro 27, 2005

"Uma Temporada no Inferno"

"A violência da peçonha contorce-me os membros, torna-me disforme, atira-me por terra. Morro de sede, sufoco, não consigo gritar. É o inferno, a pena eterna! Vede como as labaredas crescem! Ardo como devia. Vá demónio!"
Arthur Rimbaud

4 comentários:

SGC disse...

"Je est un autre" ;-)
*

Mr_Lynch disse...

Jamais, ma chère sgc! Tu n'est pas une démon! Une ange! Oui, une ange de la littérature e de l'arte!
**

Igor Marques disse...

Caro mr_lynch,
me agradou muito seu "BLOG", a forma como você vem desdobrando uma sequência instigante de textos e imagens que me interessam particularmente. Por favor, dê uma "curtida" nos meus ainda incipientes "Desenhospoemas" e "Free Jazz...", sou artista plástico e poeta. Gostaria de saber tua opinião sobre meus
trabalhod. Ainda não citei outros poetas e artistas, mas pretendo fazê-lo em breve, naturalmente dando-lhes o crédito devido.
Um excelente 2006!
Igor

Mr_Lynch disse...

Obrigado pelas suas criticas Igor. Já dei uma espiadela ao seu blog e está 5 estrelas. Parabéns!
Feliz 2006