segunda-feira, agosto 18, 2008

MiNiMaL aRt (VIII)

"Pont Neuf Emballé" de Christo
(1975)

6 comentários:

Cláudia I. Vetter disse...

magistral.

Mr. Lynch disse...

Cláudia I. Vetter;
Quando visitei Paris há uns anos atrás, ao atravessar a Pont Neuf, perguntei-me como é que Christo se recordou de a "embrulhar". Uma obra-prima embrulhava outra.

WOLKENGEDANKEN disse...

Que aspecto diabolico tem a ponte com fundo preto !!Mas de noite tem que ter aparecido assim! Nunca vi nenhum dos grandes embrulhos de Christo de otra forma que em fotos por isso ainda nao me decidi si os considero geniais ou absurdos .....

Mr. Lynch disse...

Wolkengedanken;
No meu caso já decidi: são geniais. Se Christo diz que os seus trabalhos são obras de arte... quem sou eu para dizer que não são. Mas claro, como diz o meu professor de Arte Contemporânea: gostos discutem-se.

MagnetikMoon disse...

Ar sanguíneo desfocado em círculos de água...

Mr. Lynch disse...

Magnetikmoon;
Que comentário tão poético...
:-)